Em Re-construção Constante

Não adianta parar, o caminho não termina porque você cansou. Ele termina quando você chega.







domingo, setembro 13, 2009

Indaga

Eu só fico me perguntando, como eu fui me meter nisto? Eu me meti nisto ou só me deixei conduzir?

Quem escolhe a dança?

O quanto do caminho que me trouxe até aqui eu construí, eu não sei. Sabe você?

As escolhas ficam perdidas nas conexões mal feitas, nos neurônios mal dormidos, nas brechas entre as ligações sub-atômicas da minha alma. Aquela informação que salta e eu não pude capturar.

Porque fomos feitos pela metade, e devemos nos fazer inteiros, mas ficamos fixados nos caminhos do nosso dia, nos usos e costumes, naquilo que nos suga e nos dá de volta a dívida, o buraco, o vazio. Mas o que está em volta do buraco?

Talvez o buraco seja o espaço sólido, e em volta apenas o descampado.

Agora fica muito fácil me perder em mim mesma, agora que eu tenho toda uma fauna dentro do meu coração. Pessoas se tornam escadas, não existem companheiros.

Onde está você que não está aqui comigo, eu canto para minha alma gêmea que sou eu mesma agora. Tudo se contenta e eu perco o contato, me vou, nada mais pode me alcançar.

11 comentários:

Jaiminho disse...

como eu fui me meter nisto?....
pergunta do ano!
nascimento e renascimento...
dançando o ritmo que ainda não sabe?
ao mesmo tempo aqui e lá, rumo a auto-suficiência? não creio!
se achar ou se perder....
quais escolhas?
sair da matrix e se deparar com uma realidade tão estranha a você como a propria matrix?
entender o que não sabe?
mas sempre o desejo.
abs,

Jaiminho disse...

só uma mera curiosidade do destino....
vc estudou no vieira...ssa-ba.?
apenas curiosidade!

KALI, desesperadamente humana. disse...

Sim!
Bem que eu estava te reconhecendo!
So nao lembrava bem de onde, hehehehe.

cotelgramps disse...

Sabe o nm do documentário?

Jaiminho disse...

caramba, se vc estiver falando serio, qual é a probabilidade? (e na sena eu naum acerto =o/ )
(inacreditavel)

KALI, desesperadamente humana. disse...

Estou falando serio. Alias, eu soh conheci um jaime na minha vida inteira, e foi no Vieira.
Prova: Douglas era nosso amigo. Voce foi morar em SP...A ultima vez que eu te vi depois da escola foi num show do Ira em SSA, muito tempo atras.

Agora, pode jogar na loteria.

Jaiminho disse...

Pirei!
e ae andrea, por essa eu não esperava!
big lol!
(universozinho pequeno heim?)
(um enorme quantidade de como vc esta? tem visto douglas? e uma cara pasma de não acreditar que é você! =o) )
bjão!

VI Seminário Interdisciplinar - UNEB (2º Semestre) disse...

Já que falaram no meu nome, cá estou eu também.
Que bom este reencontro virtual.
Quanto deste caminho foi feito por nós mesmos?
Adorei o texto, Déa. Você sempre escreveu muito bem.
Muitas saudades!

cotelgramps disse...

Vou ficar aguardando, então.
Gosto de indicações.
Vivo delas, na verdade.
O mundo é grande, as imagens mais ainda.

KALI, desesperadamente humana. disse...

Nossa, reecontro virtual, rs.
O mundo eh mesmo muiiito pequeno.
Saudades de todos.
Estou longe, muito longe no momento. Tipo, outro lado do hemisferio.
Se tiverem msn, manda.

Jaiminho disse...

jaime.dias at gmail.com
incrivel! =o)